Adeus frio: dia vai ser nebuloso, mas temperatura começa a subir em Curitiba

24/08/2017 às 08:05. Comente esta notícia!

Mesmo com céu carregado de nuvens, não deve chover nesta quinta-feira (24)

 | Aniele Nascimento/Gazeta do Povo

Aniele Nascimento/Gazeta do Povo

O afastamento da massa de ar polar do continente faz com que as temperaturas subam em Curitiba e no Paraná. Nesta quinta-feira (24), a umidade segue chegando à capital do estado junto com os ventos vindos do litoral, e a nebulosidade deve ser constante durante toda a manhã. Porém, mesmo com o céu carregado de nuvens, não deve chover em Curitiba. À tarde, a nebulosidade se dissipa e o sol aparece, elevando os termômetros.

O frio ainda deve dar as caras na cidade, porém, em menor intensidade. A previsão do Simepar é de que a temperatura vá subindo gradativamente, mesmo amanhecendo nesta quinta com os termômetros na casa dos 10ºC. A previsão é de que chegue a 21ºC de temperatura máxima nesta quinta em Curitiba. Tendência que deve se manter até domingo, sem chuva. Na sexta-feira (25), a variação fica entre 9º C e 24º C. Sábado (26), entre 14º C e 24º C, enquanto que domingo 2) a mínima será de 12º C e de 25º C.

A região dos Campos Gerais segue o padrão da faixa leste do estado. A umidade que chega à área cria alguma nebulosidade, mas a chance de chuva é baixa. Ponta Grossa terá a mínima da região, com 11ºC, e Guarapuava deve registrar a máxima, na casa dos 25ºC.

Já as regiões Norte, Noroeste e Oeste terão clima de verão. A previsão é para que as áreas tenham alguma nebulosidade, mas o sol vai aparecer e elevar as temperaturas. A mínima fica na casa dos 18ºC, em Cascavel, e a máxima pode passar dos 30ºC, em Foz do Iguaçu e Paranavaí.

A região Sul terá as menores temperaturas do estado. Palmas, que tradicionalmente registra as menores temperaturas, tem previsão para 10ºC, ao amanhecer. Há chance de formação de nevoeiros na região. Porém, com a pouca nebulosidade e a presença constante de sol, as temperaturas se elevam e chegam à casa dos 25ºC, no meio da tarde.

Via: Gazeta Do Povo