Abelhas atacam 60 crianças e adultos durante missa em Minas Gerais

15/10/2018 às 09:46.

Celebração ocorria em uma escola da cidade de Ipatinga quando os insetos ficaram agitados e atacaram os fiéis, que foram parar em hospitais

Divulgação/Corpo de Bombeiros de Minas Gerais

Um enxame de abelhas atacou cerca de 60 pessoas, a metade delas, crianças, em uma missa na Escola Estadual Elza Oliveira Lage, em Ipatinga (Minas Gerais), na última sexta-feira (12/10). O padre também foi picado. Os fiéis picados pelos insetos passam bem.

Os 32 adultos picados foram para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde receberam atendimento médico. Apenas dois pacientes ficaram mais tempo em observação. As crianças atingidas pelas abelhas foram para o Hospital Municipal, no qual dez ficaram internadas recebendo atendimento pediátrico. O restante recebeu alta médica. Outras pessoas preferiram buscar hospitais particulares.

Havia cerca de 500 pessoas – entre elas, 150 crianças – na quadra da escola para a missa. Após celebrar o dia de Nossa Senhora Aparecida, os fiéis comemorariam o Dia das Crianças. O incenso colocado em um recipiente pode ter agitado as abelhas que estariam numa coluna de sustentação da quadra da escola. De repente, elas começaram a atacar. Houve gritos e correria.

A missa foi transferida para este domingo (14/10), às 18h, na própria igreja, no bairro de Limoeiro. A festa para as crianças também foi remarcada para este dia. O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais vai programar a retirada das abelhas com a direção da escola. Os militares, com a vestimenta de apicultor e usando um fumigador, conseguiram fazer com que as abelhas voltassem para a colmeia.

A maior parte das vítimas do ataque de abelhas sentiu náuseas. Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros ficaram de prontidão para atender as pessoas atingidas.