Ao Vivo

40% das praias de Santa Catarina tem despejo de esgoto em suas águas

9 de fevereiro de 2024

Foto: Divulgação/PMBC

Um dos destinos preferidos dos paranaenses na temporada de verão, o litoral de Santa Catarina sofre com o despejo de esgoto em suas águas. Motivo que faz com que somente cerca de 60% das praias catarinenses tenham condições apropriadas para banho, de acordo com levantamento do Instituto do Meio Ambiente (IMA), divulgadas no dia 2 de fevereiro.

Segundo o instituto, o estado vizinho tem 142 pontos próprios para banho, o que corresponde a 59,66% do total de 238 locais analisados. Pela metodologia usada neste levantamento, uma praia pode ser considerada imprópria quando suas amostras de água contam com mais de 2500 coliformes fecais (termotolerantes), 2000 Escherichia coli ou 400 enterococos por 100 mililitros, surtos de doenças associadas à veiculação hídrica na região, presença de resíduos na água, como esgoto sanitário, óleos, graxa e outras substâncias que ofereçam riscos à saúde dos banhistas.

Continue lendo aqui.