Youtuber de 5 anos dá lição de gênero e afirma: ‘não existe brinquedo de menino e de menina’

11/10/2017 às 16:59. Comente esta notícia!

 

Com uma blusa cor-de-rosa que diz “Barbie é minha melhor amiga para sempre”, a youtuber mirim Liv, de 5 anos, não demora para demonstrar que é fã de super-heróis colocando uma máscara do Batman.

O vídeo “Brinquedos”, em que o tema é abordado por Liv, teve mais de 4,7 milhões de visualizações no Facebook, além das 44 mil em seu canal no YouTube, e gerou uma discussão sobre estereótipos de gênero nas redes sociais.

Segundo o pai dela, Tiago Lima, de 26 anos, o posicionamento da menina surgiu naturalmente, já que ela sempre teve afinidade com brinquedos diversos. “Para falar a verdade, as pessoas que problematizam. A Liv é assim.”

Na coleção de brinquedos, estão bonecos do Batman, Mulher-Maravilha, Barbie e Minnie. Personagens de jogos como Sonic e Mario Bros também aparecem. “Ela brinca de tudo, não vê diferença”, contou o pai.

O sorriso que não sai do rosto de Liv tem motivos simples. “Meu pai. Tudo. Até brinquedos, ver desenho, ir para escola. Tudo me faz sorrir. Até piada, é claro”, responde, com uma risada sapeca.

Para as crianças que não podem ter brinquedos, ela indica brincadeiras como esconde-esconde. No Dia das Crianças, a dica é uma só: “O importante é sempre ser feliz”, afirma a youtuber mirim, se despedindo.

Diversidade é necessária

É importante oferecer às crianças uma diversidade de brinquedos, tanto em casa quanto na escola, afirma a doutora em psicologia Simone Chabudee Pylro.

“Nos brinquedos, existe a cultura lúdica. São os adultos que acabam direcionando o que é de menino e de menina em função dos próprios papéis sociais. As crianças, por si só, não fazem essa distinção”, explicou.

Via: G1