Fique Sabendo

Você já migrou para o Skype? MSN acabou.

30 de abril de 2013, 15:20. Tags: , . 3 comentários, comente também!

A partir desta terça o MSN não funcionará mais no Brasil. Quem ainda não fez migração para o Skype terá um dia para fazer.

A Microsoft precisa rentabilizar o Skype e o MSN vinha perdendo usuários nos últimos anos. Três anos atrás, o serviço contava com 300 milhões de usuários; agora, são “mais de 100 milhões”.

Veja as dicas da migração no MSN para o Skype que a Gazeta do Povo  preparou.

Como faço a migração para o Skype?

Caso não tenha o Skype, baixe o programa, que é gratuito, no endereço www.skype.com/pt-br/download-skype/. Depois, basta realizar o login no serviço utilizando o mesmo nome de usuário e senha da conta do MSN.

Os contatos serão perdidos?

Não, a migração é automática. Quando o usuário fizer o login no Skype com sua conta do MSN, automaticamente todos os contatos também serão “levados” para o Skype.

Quais as principais diferenças do MSN com o Skype?

O Skype pode ser integrado com o Facebook, por exemplo. Para conversar com seus amigos da rede social pelo programa da Microsoft, basta entrar em “Contatos” e selecionar a caixa “Facebook”. Depois, é preciso ir em “Conectar ao Facebook” e colocar o nome do usuário e senha usados para acessar a rede social. Os contatos do Facebook vão aparecer no Skype.

Quando é preciso pagar no Skype?

Apenas quando o usuário quiser fazer ligações para celular, telefone fixo DDD ou internacional. Nesses casos, o usuário precisará colocar créditos no Skype, por meio do cartão de crédito ou boleto bancário.

3 Comentários

  1. Eu simplesmente amei essa migração, ficou muito mais fácil de se comunicar com quem está muito longe ou até quem está muito perto, matando a saudade ao vivo e a cores. Obrigada.

  2. Luciane Mathias disse:

    Eu simplesmente adorei essa migração, ficou muito mais fácil se comunicar com quem está muito longe ou até muito perto. Amei, simplesmente amei.

  3. Edivaldo disse:

    Vamos lá galera de Skype

Deixe o seu comentário!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*

*

*