Fique Sabendo

Eduardo Costa nega ser o pai do filho de ex

25 de janeiro de 2013, 10:12. Comente esta notícia!

A confusão envolvendo o namoro recém-terminado de Eduardo Costa com Helen Ganzarolli continua. Desta vez, o cantor  sertanejo veio a público negar que seja o pai do filho que uma ex-namorada espera. A moça estaria alegando ser do artista.

Na madrugada desta quinta-feira (24), Eduardo desabafou no Twitter e garantiu que fez vasectomia:

“Andei meio sumido por causa de um povo que não tem mais o que fazer e fica inventando histórias da minha vida… Em primeiro lugar: eu não vou ser pai. É impossível ser meu, porque eu não posso mais ter filhos… Só com inseminação, entendeu? Então, se algum dia eu casar, aí sim vou ter lindos filhos e gêmeos, que é pra fechar de uma vez minha fábrica kkk. A Dona Maria Eduarda, por enquanto, não vai ter irmãozinho kkk!”, disse o cantor, citando sua filha, fruto de um relacionamento anterior.

Eduardo também usou o microblog para elogiar a ex-namorada Helen Ganzarolli, cujo romance terminou recentemente, e alfinetar a outra ex, que alega estar grávida dele:

“Quanto a mim e Dona Helen Ganzarolli, só posso dizer uma coisa, é uma das melhores pessoas que conheci na minha vida, se não for a melhor. Outras pessoas com quem já fiquei eu até gostei, mas nunca foram namoradas. Quanto à Drika ou Drica, sei lá, eu fiquei somente duas vezes na minha vida, e eu a achava até gente boa. ‘Achava’ kkk. Entendeu? Enfim: já cometi erros, fiz bobagens, já vacilei, me arrependi, mas namorar com a Helen foi uma grande experiência, aprendi muito com ela! Agora, meu povo e minha ‘póva’, assunto encerrado. Vamos para frente que atrás vem gente, kkk”

Pelo visto, Eduardo não desiste de ter uma nova chance com a funcionária do SBT. Olha só como ele encerrou a conversa.

“Agora eu quero todo mundo pegando firme no pé da Dona senhora @hganzarolli kkk… Bora lá, meu povo!”

Fonte

Nenhum Comentário

Deixe o seu comentário!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*

*

*