Dilma visita o Paraná hoje

A presidente Dilma Rous­­seff (PT) faz hoje a terceira visita ao Paraná neste ano. Em fevereiro, ela esteve em Arapongas e Cascavel. Em junho, em Pinhais. Hoje, às 11 horas, ela entregará 1.438 unidades do programa Minha Casa Minha Vida, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, e 42 retroescavadeiras para municípios da região. Dilma estará com a ministra da Casa Civil e potencial candidata do PT ao governo do estado em 2014, Gleisi Hoffmann.

O governador Beto Richa (PSDB), que será candidato à reeleição, recebe a comitiva de Dilma no local do evento, no Jardim Los Angeles. No bairro, foram erguidas 480 casas, formando os conjuntos Califórnia I e II. O palanque, que ontem já estava montado no centro do loteamento, vai receber ainda os ministros Agnaldo Ribeiro (Cidades), Pepe Vargas (Desenvolvimento Agrário) e Paulo Bernardo (Comunicações).

Na tarde de ontem, numa entrevista coletiva, representantes da Caixa Econômica Federal, do Ministério das Cidades e do Ministério do Desenvolvimento Agrário falaram sobre os investimentos que serão inaugurados e anunciados por Dilma. Desde a última sexta-feira, há uma comitiva do Palácio do Planalto em Ponta Grossa preparando a recepção. A segurança foi reforçada, pois há protestos agendados nas redes sociais.

Além do loteamento Cali­­­­fórnia I e II, serão oficialmente inaugurados os conjuntos Itapuá e Londres. Voltados ao público com renda de até R$ 1,6 mil, os conjuntos são subsidiados pelo governo federal e recebe­­­ram investimentos de­­­ ­­­R$­­­­ 74,5 milhões. Serão beneficiadas 5,7 mil pessoas, que pagarão entre R$ 25 e R$ 80 por prestação, por um período de 10 anos.

As retroescavadeiras fazem parte do programa de melhoria de estradas vicinais do Ministério do Desenvolvimento Agrário voltado a municípios com até 50 mil habitantes. No Paraná, 367 municípios aderiram ao programa, que recebeu investimentos de R$ 63 milhões.