Fique Sabendo

Bola de Ouro: Cristiano, Messi e Ribéry são os 3 finalistas

09 de dezembro de 2013, 14:03. Comente esta notícia!

Não houve surpresa no anúncio dos finalistas ao prêmio Bola de Ouro da Fifa: apesar da torcida dos brasileiros por Neymar, os favoritos Cristiano Ronaldo, Lionel Messi e Franck Ribéry foram confirmados nesta segunda-feira como os últimos candidatos ainda na briga pelo troféu de melhor jogador do ano em 2013. O português do Real Madrid é considerado o mais cotado a levar o prêmio na cerimônia de gala da Fifa, em 13 de janeiro, em Zurique, na Suíça. O argentino do Barcelona e o francês do Bayern de Munique, porém, não devem ser considerados cartas fora do baralho: não será nenhuma zebra se um deles acabar com o troféu, vencido por Messi nos últimos quatro anos.

A lista foi divulgada num vídeo da Fifa, com apresentação de Fernanda Lima – depois de fazer grande sucesso no sorteio dos grupos da Copa do Mundo, na semana passada, a brasileira foi encarregada de mostrar os candidatos aos principais troféus da entidade. Fernanda também será a apresentadora da cerimônia na Suíça. Fora da briga pela Bola de Ouro, Neymar aparece mais uma vez como candidato ao prêmio de gol mais bonito. Ele é um dos três finalistas, ao lado do sueco Ibrahimovic e do sérvio Matic. A Fifa também divulgou os últimos indicados à montagem do “time ideal” de 2013, com uma lista formada pelos melhores atacantes do ano. Eles se juntam a goleiros, defensores e meias na briga para estar entre os onze craques da temporada. Neymar foi o único brasileiro na relação.

Outra indicada pelo Brasil é Marta, de novo na corrida para ser eleita a melhor do mundo entre as mulheres. Nadine Angerer (Alemanha) e Abby Wambach (Estados Unidos) são suas adversárias. Também no futebol feminino, o prêmio de melhor técnico ficará entre Ralf Kellerman (Wolfsburg), Silvia Neid (Alemanha) e Pia Sundhage (Suécia). Já no futebol masculino, os indicados ao troféu de treinador de 2013 são Alex Ferguson (ex-Manchester United), Jupp Heynckes (ex-Bayern) e Jürgen Klopp (Borussia Dortmund). Curiosamente, dois dos três finalistas estão aposentados desde o meio do ano: Ferguson e Heynckes. Os finalistas foram determinados pelos votos de todos os técnicos e capitães das seleções nacionais, além de representantes da imprensa internacional.

Fonte

Nenhum Comentário

Deixe o seu comentário!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*

*

*